2 de setembro de 2008

Quando a vida imita a arte

Notícia do fim de semana, o furacão Gustav se aproximando de New Orleans.

Cenas do noticiário de ontem: toque de recolher, a cidade vazia, fantasma...os carros lotando as estradas, as pessoas abandonando suas casas, todos fugindo, com medo...

Não sei, mas acho que já vi isso antes?! Ah! Foi no cinema, pelo menos uma dúzia de vezes...a destruição vindo, alguma cidade americana inundada, pegando fogo, congelada, atingida por um meteóro gigante...

Pelo menos nos filmes, sempre tem o mocinho que vai lá pro espaço explodir o meteóro, sempre conseguem desviar o furacão, evitar a inundação...

Me pergunto: quando as pessoas criarão consciência de que a natureza está se rebelando? De que se não mudarmos nossos hábitos, mais coisas assim acontecerão?

Tenho medo, muito medo, de que a vida imite a arte e não haja nenhum mocinho pra salvar a gente...

4 comentários:

Re disse...

isa,
vc falou tudo...
eu reciclo meu lixo, tomo banho rápido, limpo cocô dos cachorros com papéis reciclados, mas dá uma raiva ver as pessoas por aí sem fazer nada para impedir....
beijos
bom ter pessoas que se importam
Re

Dani disse...

POderia ser um mocinho dos estilos "titifois" das meninas?? Bom Ben Afleck estava de bom tamanho..rs

Falando sério...mó medão...ainda vc tem alguém a quem se apegar...e eu?? snifff

Bju

Isa disse...

Meninas,

a idéia do mocinho é boa, né?!...rsrsr...
falando sério, sorte que a tragédia não veio tão intensamente qto prevista, mas passou da hora das pessoas acordarem.

bjus

somebody disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.